Virgindade perdida

Bom dia galera do site. Sou novo no site e resolvi compartilhar com vocês uma experiência sexual vivida por minha pessoa.
Quando completei 20 anos resolvi ter minha vida independente , morava com minha avó desde pequeno em uma cidade média do interior do Paraná. Minha avó ( Roberta ) era uma mulher muito influente na cidade e para não constranger ela , resolvi seguir minha vida numa cidade grande.

Aí vocês fazem a seguinte pergunta. Como constranger ela? Eu estava descobrindo minha sexualidade e minha avó me flagrou várias vezes batendo punheta vendo sites de travestis pauzudas. Um dia minha avó fez a seguinte pergunta.
— Você teria coragem de dar a bunda pra um homem pauzudo Wander?

— Não é homem vó , é mulher de pinto , travesti vó.
— Tá bom , não é homem , mas você teria coragem de dar a bunda?
— Não sei vó , mas acho que o desejo fale mais alto nessa hora. A senhora teve relação com alguns homens , garanto que teve algum pauzudo.
— Tive 2 namorados que eram pauzudos , mas a mulher tem buceta , que sai até um bebê de dentro , um pinto é fichinha.

— Mas dar o cu eu sei que a senhora dava , muitas vezes eu escutei o vô Guilherme pedir para comer o cu da senhora.
— Escutava atrás das paredes seu safado , mas o pinto do seu avô tinha 12 cm , pelo jeito alguém puxou o avô em alguma coisa. O família para ter homens de paus ridículos.12 cm pra 20 , 22 cm tem muita diferença.

A nossa conversa terminou ali , mas continuei acessando sempre sites de travestis principalmente pauzudas.
Aí resolvi vir embora para Curitiba , aluguei uma kitinet por um mês , até minha avó comprar uma casa e mobiliar ela.
Logo arrumei serviço aqui. Nessa kitinet moravam vários homens e tinham vários assuntos rolando ali , eu era bem reservado e escutava vários burburinhos a meu respeito e isso nunca me tirou do sério.

Mas um dia escutei algo que me chamou atenção , 2 homens conversando , mas o assunto me interessou. Era Fábio e Moacir conversando. Como eu era expert em escutar atrás das paredes , resolvi escutar sobre o que falavam. O Fábio começou falando.
— Moacir tenho um negócio pra te falar. Não sabe o que aconteceu esses dias?
— Me conta Fábio.

— Eu tenho um amigo chamado Lúcio , aí resolvemos ir no centro esses dias pegar umas garotas. Fomos de carro ele e eu. Passando no centro onde as minas ficam na rua esperando alguém pro programa , vimos uma loira e uma morena , fomos de carro até lá , só que era traveco , no momento não fiquei interessado , mas a morena veio do meu lado , cara era um mulherão , cheirosa e linda. A loira do lado do meu amigo era linda também.

— E aí você se interessou?
— Ela era perfeita , eu me interessei é claro. Resolvemos ir pro motel com elas , a morena entrou e sentou no banco da frente comigo e a loira no banco traseiro com meu amigo.
A morena desabotou minha cinta , tirando meu pau pra fora e já foi me chupando ali no carro mesmo. Quando cheguei no motel eu estava doido pra comer aquele traveco.
— E a loira fez o mesmo com o seu amigo?
— Sim , ela chupou ele no carro , depois ele me disse que gozou na boca dela.
— E você gozou na boca da morena?
— Quase gozei , mas consegui segurar , eu fui pra um quarto com a morena e meu amigo foi pra outro quarto com a loira. Tiramos nossas roupas , quando a morena ficou peladinha , meu que gata lindíssima , tinha um corpo perfeito , seios médios durinho , bumbum lindo e arrebitado , mais perfeito que bunda de mulher.
— E o pênis da gata , o nome dela.
— Sabrina era o nome dela , o pênis dela minúsculo , parecia um grelo feminino. Me disse que usa o pênis só para mijar. Quando ela ficou de 4 , tinha um cuzinho bem depilado e foi me implorando para comer o cuzinho. Cara já transei com muitas mulheres , mas com eles ou elas sei lá é diferente. Com elas é diferente , pois mesmo fazendo sexo por dinheiro , elas fazem por prazer. A Sabrina me disse que se sente realizada 2 vezes , ganha dinheiro e sente prazer.
— E o seu amigo como foi?
— Quando a gente saiu do motel , eu e a Sabrina era só alegria , a gente marcou de passar a noite no apartamento dela , Lúcio meu amigo estava quieto e amuado , mas a Renata a loira estava super feliz. Depois que deixamos as gatas no mesmo local que elas estavam resolvemos ir embora , insisti com o Lúcio pra me dizer se tinha acontecido alguma coisa entre eles mas não me disse nada.
— O que você acha que aconteceu?
— Alguns dias depois me ligou e queria conversar comigo. Nos encontramos num restaurante. Me falou que estava separando da mulher. Perguntei pra ele , aquele dia com a travesti aconteceu alguma coisa e você não me contou. Me disse que foi por causa daquele dia que estava separando. Aí me contou tim tim por tim tim o que aconteceu. Ele me relatou isso , só escute. Enquanto a morena te chupava no banco da frente , a loira fez o mesmo comigo no banco traseiro , minha mulher nunca fez isso e a loira era ótima na chupeta que não aguentei e gozei na boca dela. Quando entramos no quarto ficamos pelados , o traveco estava de pau duro , 22cm , fiquei com vergonha ela tinha um pinto maior que o meu , tentou chupar meu pau , mas não endurecia de jeito nenhum , aí ela fez eu chupar seu pau. Nunca tinha chupado um pinto na vida e a safada ainda me judiava fazendo eu engolir seu pinto. Engasguei várias vezes , até que gozou na minha boca e fez eu engolir. Não satisfeita fez eu ficar de 4 na cama , lambeu meu cuzinho e tirou a virgindade do meu cu. Me comeu 2 vezes e gozou as 2 vezes no meu cu. Por isso que eu estava quieto quando saímos , quando cheguei em casa minha mulher estava uma fera , brigamos é claro , fui tomar um banho , esqueci e joguei minha cueca no cesto de roupas sujas. Terminei o banho , fiz o possível e o impossível para tirar todos os resquícios de esperma do meu cu e fui deitar. Eu e minha mulher a gente dorme pelado. Logo eu dormi , mas meio sonolento ainda senti quando minha mulher levantou e logo retornou , ainda senti ela apalpando minha bundinha.
— Que mulher inteligente teu amigo tem , você conhece ela? Ela é bonita? Ela descobriu tudo?
— Ela é inteligente , conheço ela sim , é minha prima , já transei com ela. Ela é linda cara. Ela fez ele contar a verdade outro dia. Ele me contou que sua mulher , levantou , verificou a cueca , estava toda melecada de esperma , deitou na cama junto com ele e apalpou sua bunda e viu o estrago feito. De manhã minha mulher me intimou quem havia feito aquele estrago no meu cu e tive que contar a verdade. Desde aquele dia só estou na punheta e ela me tocou de casa. Se quiser comer sua prima de novo , está disponível.
— Você vai comer sua prima Fábio?
— Não Moacir , sofri muito por causa dela , não quero mais. Se você quiser é só mandar um buquê de flores elogiando ela , que logo você transa com ela.
Depois que Fábio e Moacir terminaram a conversa eu estava todo gozado só de ouvir a história sobre o amigo do Fábio. Fiquei interessado naquela gata pauzuda. A partir daquele dia meu foco era descobrir como achar aquela gata.
Abraços.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.