Quando me Me Tornei a Travesti Putinha do Negão

Havia um cliente no escritório que aqui vou chama-lo de Tom. Era o melhor cliente que a empresa tinha o que fazia ele as vezes a ditar as regras e para agrada-lo, os donos dá empresa procuravam atender seus pedidos. Tom era um negro alto, media em torno de 1.85m. Forte, pois praticava musculação e lutas. Tinha 46 anos de idade. Era muito atraente e realmente chamava a atenção. Eu era quem sempre o atendia e ele era sempre simpático e conversávamos sobre todos os assuntos. Certa tarde de sexta, meu gerente veio até mim e disse que Tom precisava que alguém fosse com ele em seu sítio para verificar

Continue Lendo “Quando me Me Tornei a Travesti Putinha do Negão”

Arrombaram o meu cuzinho no banheiro

Bem, estou de volta, vou relatar agora o que se passou em setembro de 2017 na casa da minha travesti loira e caralhuda, para os que não se lembram esta travesti loira tem um dote de 22 cm. De comprimento por 4 cm de largura, uma pica linda de se ver branquinha, com a cabecinha rosa e muito bem depiladinha, ela é tão ativa que só me deixa chupa-la (para lubrificar, pois eu dou sem camisinha) e depois já me come. Bem o que vou relatar é um fato que ocorreu e que até hoje me inspira grandes punhetas, tudo começou quando fui chupar o pau da Madona e dar meu cu para ela, ao chegar em sua residência ela já estava de saia, sem calcinha e de pau duro (como sempre) eu fui entrando em sua casa e

Continue Lendo “Arrombaram o meu cuzinho no banheiro”

Dei o cuzinho de graça para o taxista safado

Me chamo Talita, tenho 22 anos e sou transexual não operada. Sou morena clara, com traços indígenas, descendente de italianos, cabelos negros clareado com mechas, na altura dos ombros. Tenho 72kg bem distribuídos em 1,65m, coxas muito grossas e torneadas, bumbum grande e arrebitado, cinturinha fina e barriguinha chapada. Seios médios hormonizados, bem bicudos e inchados, rosadinhos.

Resolvi começar a fazer programas com 18 anos de idade. Fui para um ponto conhecido na zona oeste. Há dois anos atrás tive uma experiência muito gostosa que me faz gozar horrores até hoje quando eu me masturbo lembrando.

Continue Lendo “Dei o cuzinho de graça para o taxista safado”

Comi um traveco gostoso

A bunda avantajada e a marquinha de biquini daquele traveco louro sempre me causou um inquietante tesão.
E eu assistia àquele espetáculo diariamente, por volta das 8h da noite, quando voltava pra casa, numa esquina da av. Conselheiro Aguiar, em Recife. A loira fazia ponto sempre no mesmo lugar.
Claro que ela mostrava a sua bunda linda pra todo mundo, mas eu tinha o ressentimento que era uma exibição exclusiva pra mim. Quantas vezes, no silencio da noite, comi a minha mulher pensando naquela

Continue Lendo “Comi um traveco gostoso”

Virando a mulher do meu pai

Vou contar a história de como acabei virando mulher do meu pai e como passamos a viver como marido e mulher.
Meu pai é separado da minha mãe e morava em outra cidade longe dela e de mim e meu irmão e irmã eu era casado mas por motivos da vida acabei me separando a ex me mandou embora de casa e pra completar fui demitido.
Busquei ajuda com minha mãe e irmãos para ficar com um deles enquanto arrumava um lugar , mas a resposta foram três negativas, não!
Continue Lendo “Virando a mulher do meu pai”

Sendo Putinha do coroa roludo

Eu aqui novamente ,pra conta a minha aventura com Edmundo um coroa de 50 anos casado e muito tarado.
Dono de um pau de 21 cm super grosso e gostoso.Conheci ele no bate papo da uol tava na cidade a trabalho e loco pra devora um cuzinho.
Conversamos durante 1 hora ate que ele me passou o nome do hotel e número do quarto que ele tava.
Me produzir bem putinha, com um vestido preto , meia arrastão , calcinha preta uma bela maquiagem e bastante perfume, e foi ao encontro daquele macho.
Continue Lendo “Sendo Putinha do coroa roludo”