Sendo putinha safada no hotel em BH

Saudades de vocês, amores. Mas é que viajei a trabalho para Belo Horizonte na terça-feira e foi puxado demais. Após um dia exaustivo de trabalho, cheguei no hotel eram quase 18:00. Confesso que estava cansada, mas vendo uma cama enorme e me vendo sozinha, livre e louca de vontade de ser fêmea de um mineiro macho, entrei no bate-papo da UOL. Meu nick era “Cdzinha SP em BH”. Assim que entrei na sala de bate-papo, choveu de homens me chamando

para conversar, pelo menos uns 15. Mas a gente sabe como funciona: uns querem só passar o tempo, outros só querem bater punheta… e aí eu vou bloqueando. Juro que imaginei que seria uma loucura, mas as horas foram passando e nada de aparecer alguém que valesse a pena. Resolvi parar, tomar um banho demorado e me depilei, pois eu não ia desistir enquanto não encontrasse um boy gostoso. Saí do banho e fui comer algo no shopping, que fica ao lado do hotel. Dei uma passeadinha por lá e voltei para o hotel. Assisti um pouco de televisão e voltei para o bate-papo. Eu confesso que estava ficando frustrada e decepcionada com os mineiros, já estava achando que eram frouxos, mas continuei minha busca. Por volta das 23:30, um boy de nick “Advogado Safado” me chamou para conversar. Ele foi tão direto, que me deixou louca. Sem enrolar, perguntou como eu era, se eu queria foder de verdade, onde eu estava exatamente, se podia me ligar. Respondi a tudo e ele me ligou. Gente, o que mais me deixou louca e me fez passar o número do quarto foi quando ele me disse que não curte de jeito nenhum ver, tocar e pegar na “parte da frente da putinha”. Ele foi bem claro em dizer que é hétero, mas curte ser macho de cdzinhas e trans totalmente passivas. Eu estremeci de tesão. Bem, eu confirmei que ele poderia ir ao hotel e ele disse que demoraria uns 20 minutos para chegar. Fiquei esperando e, de repente, após quase 20 minutos, o telefone do quarto tocou e a recepcionista perguntou se podia liberar a subida dele ao quarto. Eu disse que sim. Qdo ele chegou, o quarto estava à meia-luz e eu bem putinha esperando por ele. Entrou já pegando na minha bundinha e me chamando de cachorra. Me empurrou para a cama, me deixou de quatro e começou a me encoxar. Tirou a calça e o pau já estava duro e babando (amo a babinha do tesão) e me colocou para mamar. Para deixá-lo maluco, comecei lambendo o saco e a virilha. Ele se contorcia e eu não subia a boca para o pau dele. Fiquei por muito tempo só na região do saco e virilha. Quando subi para o pau, estava muito babado – era exatamente como eu queria. Fiquei mamando, sugando, engolindo, lambendo só a cabeça e o boy se contorcendo. Aí ele me disse que precisava comer meu cuzinho, que eu tinha o deixado muito louco. Perguntei como queria me comer e ele respondeu que queria me pegar de quatro. O pedido do boy, para mim, é uma ordem. Ele veio por trás e foi encaixando devagar, até entrar todo e começou a bombar. Bombava forte, parava, ficava só com a cabeça da rola brincando na portinha do meu cuzinho, depois socava, pedia pra eu piscar o cu na rola, dava tapas na minha bunda, deitava nas minhas costas e beijava meu pescoço. Ficou uns 20 minutos metendo gostoso. Qdo eu comecei a gemer e a chamar ele de “meu bebê machinho”, ele disse que minha voz de putinha tava quase fazendo ele gozar, mas que queria encher minha boca de leite. Meus amores, de repente ele tirou o pau e disse para eu mamar que iria gozar. Ele tirou a camisinha já com leite saindo e encheu minha boca. Juro a vocês que há muito tempo eu não saía com um boy que gozasse tanto. Depois pediu para eu continuar mamando mais um pouco e a rola não amolecia.Vestiu a roupa e disse que era uma pena eu ter que voltar para SP já no dia seguinte, mas disse para eu gravar o whats dele, porque qdo eu voltar a BH vai querer ser meu macho de novo. Foi uma delícia. Ah, o boy tem 26 anos, gatinho mesmo, malhadinho e tem namorada. E o melhor de tudo: é macho e tem atitude.
Agora voltei para Carapicuíba e se você for macho, tiver atitude, morar aqui na região e quiser foder uma Cdzinha na madrugadinha dentro do seu carro ou no seu local, me chame no whats: 11 98700-7526. Bjs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *