Fantasias de uma Crossdresser com próprio pai

Olá pessoal tudo bem, o conto erotico que irei contar em partes é fictício e em partes real. Eu na realidade me considero Bisexual, mas minha atração principal é por mulher o que acontece é que quando erá mais novo eu via calcinha no varal das vizinhas achava bonito, queria pegar, novinho eu só cheirava e devolvia para o varal da vizinha até que um dia resolvi usar, achei um pouco desconfortável mas não tão ruim de usar, a família mudou de casa e eu desencanei, fiquei com uma menina depois namorei outra adorei tirar a calcinha dela e fazer oral nela, a

gente terminou depois tive outra namorada, com está eu transei foi muito bom, até que um dia me voltou a vontade de usar calcinha e dai, comprei calcinhas com desculpa de ser para ela mas na realidade era pra min, fui alem e comprei cinta liga e salto, peruca e até vestido. Mas o que acontece é que quando era mais novo já sai com um cara e dei, depois sai com outros dois por fantasia dos filmes, conto esse que é meu anterior, não foi muito legal não gozei, e vi que sentia mais prazer no vestir, no máximo eu colocando consolos ma eu controlando toda situação.
O conto começa agora, quando umas duas vezes meu pai quase me pegou vestida completamente, na segunda eu vacilei e acho que ele percebeu que tinha uma saia na minha cama, mas não falou nada, “eu sempre me visto a noite quando minha mãe vai para igreja e meu pai fica no bar” o que acontece é que gosto de gozar vestida de mulher, ainda gosto de transar com as mulheres, mas me da tesão ver filmes onde as mulheres bem femininas vestidas e com saltos enormes transando. Depois da vez que ele quase me pegou eu comecei a esconder mais as coisas, algumas vezes ele até entrou de supetão em casa e quase me pegou mas sempre já estava tomando banho ou não tinha nada que ele pudesse ver “já estava com roupas normais”. O que aconteceu nessa noite, foi que tinha aparado meus pelos para bater mas fotos para um cara que vive me mandando fotos do pau dele e vive me chamando pra sair, eu tinha ouvido um barulho na casa como se alguém tivesse entrado no quintal mas como não entrou na casa, logo voltei a me montar e continuar a seção de fotos, nessa as vezes gosto de desfilar na casa com meu salto alto, quando novamente ouvi barulho no quintal, só que dessa vez foi bem alto sabia que tinha alguém chegando, logo corri para tirar tudo que estava em min, ate que fui bem mas fiquei com muito calor estava pingando de suor, quando meu pai chegou, ele me pareceu estar voltando do bar, achei que ele só iria falar algo e já ir para o quarto dele, mas ele ficou começou a contar um monte de coisa e olhando para ele percebi que parecia estar procurando algo debaixo da cama e em outros lugares, mas percebi que não estava achando, me pareceu até que estava frustado de não ver nada, acho que ele pensou deve estar debaixo das cobertas ele deve tar montado, mas eu percebendo isso até mostrei que estava com roupa normal, mas estava de meia e se ele pedisse pra ver meu pé iria perceber, logo não sai da cama, acabou que ele foi buscar minha mãe e eu fiquei lembrando de todas vezes e pensando será que ele sabe? e acabei lembrando de um dia que ele estava de pau duro antes de ir dormir, nossa comecei a fantasiar com ele, pensei e se ele puxasse o cobertor algum dia e eu tivesse montada que cara eu que ficaria? e se ele já falasse na cara que sabe? e se ele falasse que quer me comer?, dai comecei a ficar com uns medos do que ele pensaria de min, como por ex: que sou viadinho, que não sou homem, outros medos de se eu namorar ele contar pra minha namorada pra comer ela, de contar para os parentes, enfim muito medo, pois todos esses temores podem acontecer e eu não quero nenhum deles pra min, porque considero que não sou totalmente gay como disse no inicio gosto de mulher também, e depois da minha experiencia ruim considero que se tiver que escolher ficar nessa putaria ou casar com uma mulher, irei preferir a casar com a mulher e também não irei querer que ela pense de min os mesmo temores acima mencionados.
Mas na fantasia eu pensei em dar para ele já estaria em família e teoricamente posso confiar no meu pai, mas sei la nem sei como seria, eu pessoalmente já gosto de tiozão de pau grande, mas como disse só fantasia porque minha experiencia anterior não foi boa, não gozei.
Bom vou deixar as fotos que eu tirei para ter foto no conto.

One Reply to “Fantasias de uma Crossdresser com próprio pai”

  1. Sei bem o que você está sentindo! Muitas vezes já passei por isso, mas tem que ter coragem. Tem que desencanar.
    A maioria dos homens é idiota e egoísta, mas isso não significa que não tenha homem que vale a pena. O problema é encontrar um cara bacana e sensível para enfrentar essa situação.
    Desejo a você boa sorte e que encontre alguém que valha a pena.
    Isso de homem/mulher é hipocrisia, o que vale é companheirismo, amizade, confiança e amor; espírito não tem sexo.
    Boa sorte e felicidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *